terça-feira, 10 de janeiro de 2012

A Engenharia Dimensional Da Inocência Humana

Hoje eu quero que você reflita um pouco sobre a boa fé dos inocentes. E, por este motivo, estou lhe dando de presente algo tão valioso quanto os mantras que forneço na Internet.


Em um mundo onde as pessoas só falassem a verdade e não existisse o conceito de decepção, um homem, que por algum motivo desconhecido, inventasse a mentira, mudaria a natureza das coisas e criaria os fundamentos da religião.


Esta é uma idéia filosoficamente interessante, mas fisicamente ultrapassada pelo conhecimento que a Engenharia Dimensional disponibilizou como ferramenta para seus usuários. Para que ela fosse verdadeira todos os seres humanos precisariam ser portadores do mesmo conjunto de crenças inconscientes. Pois o que faz você acreditar em algo é o significado que atribui aos acontecimentos com os quais interage. E este significado é criado pela realidade que suas crenças impõem a você.


Lembre-se que em artigos anteriores lhe expliquei que entre 1 e 2 anos de idade você se tornou portador de um conjunto com 60 crenças inconscientes.


O fato é que toda crença cria uma direção temporal para a realidade que constrói. E analisando a equação


1 + 1 = 2 surge a pergunta inevitável: Será ela verdadeira? Será que a matemática que você aprendeu no início da sua vida escolar era correta?


Numa direção sim, mas na sua contramão não.


A matemática da Física de Fragmentação é de mão única, porque o 2 representa um estado de existência que não tem nada a ver com o 1 + 1 no instante que precedeu o seu surgimento.


 Para termos 2 = 1 + 1, precisaríamos de uma Engenharia Reversa que nos fizesse voltar no tempo, pois


1(massa) + 1 (massa) = 2(campo de força), ou, numa outra linguagem,


 Férmion + Férmion = Bóson. Uma supersimetria.


As conseqüências de você possuir uma crença em algo cria uma direção de realidade que somente pode ser revertida voltando-se no tempo. E voltar no tempo será uma tecnologia extremamente complexa a ser dominada num futuro distante.


Por enquanto é este o trabalho que desenvolvo com os mantras que crio para mudar a realidade em que vive por outra muito melhor. Sem aparelhos eletrônicos você volta no tempo e reconstruído surge num outro presente.


A inocência adquirida como crença cria um caminho de mão única para um inocente e uma realidade que somente ele poderá viver. A mentira quando o atinge como verdade cria para ele uma realidade que continuará mantendo-o íntegro e, com a mais profunda certeza, beneficiado por ela de um jeito ou de outro.


Enganar um inocente cria uma realidade destrutiva para o produtor da mentira, pois pouco a pouco sua realidade pessoal perderá completamente a sua consistência e ele se tornará a sua própria vítima.


De qualquer forma sempre haverá a pergunta intrigante: “Como surgiu a PRIMEIRA CRENÇA”?


Deixo a resposta em aberto e quem sabe no Universo de Base 11 – nossa próxima morada – possamos tentar respondê-la.


Gilson Chveid Oen
Engenharia Dimensional
e-mail: gilson@gilsonchveidoen.com.br
Fone: (0xx) (21) 3816-5228


Copyright 2012 por Gilson Chveid Oen
Todos os direitos relativos a esta obra são reservados ao autor, sendo totalmente proibida a transcrição integral, ou parcial, das idéias contidas na mesma, sem a sua prévia autorização por escrito

7 comentários:

  1. O que seria base 11, pode explicar?

    ResponderExcluir
  2. Olá Gilson. Obrigado por tudo.

    Por favor tenhos as seguintes dúvidas:

    É necessário a pronúncia do mantra em voz alta ou a repetição mental produz o mesmo efeito?
    E quanto a gravar o mantra e ouví-lo repetida e diariamente?

    Grato.

    ResponderExcluir
  3. Cara Mary,

    Leia neste Blog o artigo que escrevi intitulado "Recessão Afetiva" e obterá uma explicação detalhada sobre a Base 11.

    Um grande abraço,

    Gilson Chveid Oen.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Wilton,

    posso lhe garantir que é indiferente. A diferença existiria se você lêsse um mantra ao contrário. O que não é o que acontece, pois mesmo escrevendo com a mão esquerda você escreve as letras na mesma ordem do que um destro escreveria.

    Cordialmente,

    Gilson Chveid Oen
    Engenharia Dimensional
    Zardoletec of Brazil Dimensional Engineering Research
    Diretor Geral
    Travessa Angrense, 14 - grupo 404
    Cep 22050-020, Copacabana, Rio de Janeiro , RJ
    Fone: (0xx) (21) 3816-5228 e Fax: (0xx) (21) 3816-5210
    e-mails: gilson@gilsonchveidoen.com.br e numerologista@gilsonchveidoen.com.br
    Atendimento: de segunda a sexta das 09.00 as 18.00 horas

    ResponderExcluir
  6. Prezado Adriano,

    é importante falar emitindo um som grave, que não precisa ser gritado. Quanto a gravar um mantra por uns 6 minutos e ficar, posteriormente, ouvindo a gravação cria uma impregnação muito forte dos seus efeitos no seu disco rígido interior.

    Cordialmente,

    Gilson Chveid Oen
    Engenharia Dimensional
    Zardoletec of Brazil Dimensional Engineering Research
    Diretor Geral
    Travessa Angrense, 14 - grupo 404
    Cep 22050-020, Copacabana, Rio de Janeiro , RJ
    Fone: (0xx) (21) 3816-5228 e Fax: (0xx) (21) 3816-5210
    e-mails: gilson@gilsonchveidoen.com.br e numerologista@gilsonchveidoen.com.br
    Atendimento: de segunda a sexta das 09.00 as 18.00 horas

    ResponderExcluir
  7. Obrigado Gilson.

    Vou gravar uns 06 minutos do mantra com minha voz e ouví-lo diariamente e também sempre que possível pronunciá-lo em voz alta.

    Obrigado por tudo.

    Fraternalemente.
    Adriano.

    ResponderExcluir